rede-brasil-inovador-2024-inovacao-innovation-trends-aldo-rosa-ceo-palestrante-ecossistema-startup-ia-esg-hub-cni-cna-cnc-instituto-ayrton-senna-campanha-30-anos-5
marcas-e-lideres-2024-rede-brasilinovador-innovation-trends-aldo-rosa-ceo-palestrante-corporates-investimento-febraban-tech-ciber-seguranca-bancos
rede-rs-cidade-2024-brasil-inovador-rio-grande-sul-aldo-rosa-ceo-reconstrucao-doacoes-resgate-acolhimento-abrigo-municipio-enchente-randoncorp-daniel-instituto-elisabetha-randon
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-cna-senar-agronegocio-gaff-agribusiness-festival-xp-sp
rede-brasil-inovador-2024-inovacao-innovation-trends-aldo-rosa-ceo-palestrante-ecossistema-startup-ia-esg-hub-c6-invest-bank-banco-digital-gisele-bundchen-(9)
rede-brasil-inovador-2024-inovacao-innovation-trends-aldo-rosa-ceo-palestrante-ecossistema-startup-ia-esg-hub-cni-cna-cnc-startse-ai-day
rede-brasil-inovador-2024-inovacao-innovation-trends-aldo-rosa-ceo-palestrante-ia-esg-ecossistema-startup-investidor-venture-capital-hub-cni-cna-cnc-sebrae-governo-minas-summit-belo-horizonte-1
rede-brasil-inovador-2024-inovacao-innovation-trends-aldo-rosa-ceo-palestrante-ia-esg-ecossistema-startup-investidor-hub-cni-cna-cnc-sebrae-ai-summit-inteligencia-artificial-1
energia-inovadora-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-aldo-rosa-ceo-palestrante-ecossistema-hub-startup-absolar-transicao-energetica-latam-mobility-net-zero-vibra

Parceria entre Sebrae e Embrapii garante R$ 116 milhões para startups e pequenas empresas

Parceria entre Sebrae e Embrapii garante R$ 116 milhões para startups e pequenas empresas

O Sebrae e a Embrapii acabam de anunciar uma parceria que vai garantir R$ 116 milhões para que startups, micro e pequenas empresas desenvolvam de projetos de inovação industrial. Este é o quarto contrato celebrado entre as duas instituições, com valor recorde de contratação desde o início da parceria, em 2017.

A previsão é de que, no total, sejam investidos R$ 390 milhões, com os aportes das Unidades Embrapii e das empresas. O acordo prevê ainda a intensificação da divulgação e ampliação dos contratos firmados com empresas das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

“O bom momento da economia, aliado a uma série de mudanças globais, como a liderança do presidente Lula no G20 e do Mercosul, exige um país ainda mais comprometido com a energia limpa, com a inovação e os avanços proporcionados pela pesquisa. Para que o mundo consiga alcançar a economia verde, os pequenos negócios precisam ser atendidos em suas necessidades de tecnologia e recursos. A parceria com a Embrapii vai permitir que os pequenos negócios avancem neste desafio. Não podemos esquecer que a inovação também é para os pequenos negócios”, afirma Décio Lima, presidente do Sebrae.

A execução do contrato tem início em janeiro de 2024, com duração até janeiro de 2027. Estima-se que o novo acordo viabilize o desenvolvimento de 700 projetos de inovação industrial e o atendimento a cerca de 800 empresas em todo o Brasil. Os recursos aplicados pelo Sebrae nos contratos assinados nos anos de 2017, 2019 e 2021 foram da ordem de R$ 59,8 milhões, com investimentos totais da parceria chegando a R$ 271,5 milhões.

O presidente da Embrapii, Chico Saboya, afirma que a parceria reforça a crença entre as entidades no potencial empreendedor brasileiro. “Queremos promover o desenvolvimento tecnológico por todas as regiões do país e dividir o risco da inovação com as pequenas empresas. A parceria com o Sebrae, aqui renovada, dotará a Embrapii de mais recursos para cumprir sua missão de estímulo à competitividade e ao crescimento das indústrias de pequeno porte em todo o território nacional”, diz.

Os recursos serão utilizados no modelo de apoio Lab2Mkt da Embrapii, voltado para micro e pequenos negócios e startups. Nele, a organização garante o aporte de até 50% do valor do projeto em recursos não reembolsáveis. O restante é coberto pela contrapartida da empresa e da Unidade Embrapii. O Sebrae também investe recursos financeiros, que cobrem até 70% do valor da contrapartida da empresa.

Como principais pré-requisitos para receber o apoio, as empresas devem ter CNAE Industrial ou TIC e faturamento abaixo de R$ 4,8 milhões no ano anterior. Além disso, devem apresentar projetos com escala de maturidade tecnológica de 3 a 9.

Modalidades de apoio do Sebrae e Embrapii

Desenvolvimento Tecnológico: projetos de inovação de apenas uma pequena empresa. O valor aportado pelo Sebrae pode chegar a R$ 150 mil;

Encadeamento Tecnológico: projetos de inovação de um pequeno negócio em parceria com uma média ou grande empresa. O valor aportado pelo Sebrae pode chegar a R$ 200 mil; e

Aglomeração Tecnológica: projetos de inovação desenvolvidos em parceria com pequenos negócios com ou sem a presença de médias ou grandes empresas e/ou fundos de investimento. O valor aportado pelo Sebrae pode chegar a R$ 300 mil.


https://startupi.com.br